Actor: Silas Rondeau

Code: 
PU-BRPOSR
Workspaces: 
Gender: 

Relaciones de este actor

ID Actor 1 Actor 2 Tipo Evidencia
61603 Silas Rondeau Consórcio Belo Monte Logistic - Being the (administrative, finances, chair, among other positions) manager of "A propina de Belo Monte serviu como contribuicao decisiva para as campanhas eleitorais de 2010 e 2014. O principal agente negociador do Consórcio de Belo Monte foi o empreiteiro FLAVIO BARRA da ANDRADE GUTIERREZ.Os numeros da propina giravam na casa dos R$ 30 milhoes, destinados as campanhas eleitorais. DELCIDIO DO AMARAL acredita que os numeros finais de propina sejam superiores, pois, durante a campanha, houve acordo com relacao a ""claims"" de cerca de R$1.5 bilhoes, apresentadas pela Consórcio. O acorda com relacao a ""cIaims"" era uma das condicoes exigidas para aumentar a contribuicao eleitoral das empresas. E preciso dizer que a atuacao do ""triunvirata"", formado por SILAS RONDEAU, ERENICE GUERA e ANTONIO PALOCCI foi fundamental para se chegar ao desen ha corporativo e empresarial definitiva do Projeto Belo Monte. DELCIDIO estima que o valor destinado para as contribuicoes das campanhas (2010 e 2014) do PMDB e PT atingiram cerca de R$ 45 milhoes. DELCIDIO tem conhecimento de ilicitudes envolvendo o fornecimento de equipamentos nas obras da usina Belo Monte. DELCIDIO DO AMARAL sabe que existiu uma forte disputa em relacao ao fornecimento dos equipamentos de Belo Monte, envolvendo: de um lado, os chineses (patrocinados por BUMLAI); de outro lado, os fabricantes ""nacionais"" (ALSTOM, SIEMENS, IMPSA e IESA). O ""triunvirato"" agiu rapidamente, definindo que o fornecimento dos equipamentos seria realizado pelos fabricantes ""nacionais"", tudo na busca da contrapartida, revelada nas contribuicoes de campanha. ANTONIO PALOCCI e ERENICE GUERRA, especialmente, foram fundamentais nessa definicao. Enquanto o pa cote de obras civis girou em torno de R$ 19 bilhoes, o de equipamentos alcan,ou a cifra de aproximadamente R$ 4,5 bilhoes. DELCIDIO recorda-se da influencia direta do ex-governador EDUARDD CAMPOS a favor, especificamente, da IMPSA. De todos os concorrentes, a IMPSA era unica com cadeira cativa. "