Actor: FLAVIO BARRA

Code: 
PR-BUFB1
Workspaces: 

Relaciones de este actor

ID Actor 1 Actor 2 Tipo Evidencia
61602 FLAVIO BARRA Consórcio Belo Monte Logistic - Being the (administrative, finances, chair, among other positions) manager of "DElCIDIO tem conhecimento que em 2010 seria feito o ""Ieilao"" de Belo Monte. Contudo, tres dias antes do certame, o consarcio constituido pelas maiores empresas de engenharia do pais, desistiu de participar. Em algumas horas, foi constituido novo grupo de empresas junto com a CHESF e a ELETRONORTE. Entre elas, participa ram QUEIROZ GALVĂO, GAlVĂO ENGENHARIA, CONTERN (pela influencia de JOSE CARLOS BUMLAI). JMALUCELLI, GAIA ENERGIA, CETENCO, MENDES JR TRADING ENGENHARIA e SERVENG-CIVILSAN. Apesar de muito menos robusto, o Consarcio em questao venceu o ""Ieilao"", ten do sido a unica proposta apresentada. Alguns meses depois da realiza~ao do certame, varias empresas que nao ""bidaram"" Belo Monte tornaram-se sacias do empreendimento e contrataram como prestadoras de servico as companhias do Consarcio vencedor. Em pouco tempo, o controle da principal usina do mundo, em constru~ao, mudou de maos, sendo que as empresas que compunham o consarcio vencedor passaram a desempenhar um papel secundario. A propina de Belo Monte serviu como contribui~ao decisiva para as campanhas eleitorais de 2010 e 2014. O principal agente negociador do Cons6rcio de Belo Monte foi o empreiteiro FLAVIO BARRA da ANDRADE GUTIERREZ."
61601 FLAVIO BARRA ANDRADE GUTIERREZ Logistic - Being the (administrative, finances, chair, among other positions) manager of "DElCIDIO tem conhecimento que em 2010 seria feito o ""Ieilao"" de Belo Monte. Contudo, tres dias antes do certame, o consarcio constituido pelas maiores empresas de engenharia do pais, desistiu de participar. Em algumas horas, foi constituido novo grupo de empresas junto com a CHESF e a ELETRONORTE. Entre elas, participa ram QUEIROZ GALVĂO, GAlVĂO ENGENHARIA, CONTERN (pela influencia de JOSE CARLOS BUMLAI). JMALUCELLI, GAIA ENERGIA, CETENCO, MENDES JR TRADING ENGENHARIA e SERVENG-CIVILSAN. Apesar de muito menos robusto, o Consarcio em questao venceu o ""Ieilao"", ten do sido a unica proposta apresentada. Alguns meses depois da realiza~ao do certame, varias empresas que nao ""bidaram"" Belo Monte tornaram-se sacias do empreendimento e contrataram como prestadoras de servico as companhias do Consarcio vencedor. Em pouco tempo, o controle da principal usina do mundo, em constru~ao, mudou de maos, sendo que as empresas que compunham o consarcio vencedor passaram a desempenhar um papel secundario. A propina de Belo Monte serviu como contribui~ao decisiva para as campanhas eleitorais de 2010 e 2014. O principal agente negociador do Cons6rcio de Belo Monte foi o empreiteiro FLAVIO BARRA da ANDRADE GUTIERREZ."
56805 FLAVIO BARRA JOAO VACCARI Networking se reuniram diversas vezes entre 02/07/2012 e 24/05/2013 com João Vaccari Neto, operador condenado na operação LAVAJATO por amealhar propinas em contratos celebrados na PETROBRAS (autos no 5033630-37.2015.4.04.7000), possivelmente para este mesmo fim. http://lavajato.mpf.mp.br/desmembramentos/rio-de-janeiro/documentos/sentenca-radioatividade
56803 FLAVIO BARRA ANDRADE GUTIERREZ Logistic - Being the (administrative, finances, chair, among other positions) manager of Narra o órgão ministerial que os acusados Otávio Marques e Flávio David, este na condição de Presidente da ANDRADE GUTIERREZ ENERGIA http://lavajato.mpf.mp.br/desmembramentos/rio-de-janeiro/documentos/sentenca-radioatividade
54382 FLAVIO BARRA EMPRESA DE VIACAO ANGRENSE Economic - Money laundering through "Consumados os delitos antecedentes de corrupção, entre abril de 2012 e março de 2014, os executivos da ANDRADE GUTIERREZ, CLÓVIS PRIMO, FERNANDO CARVALHO, FERNANDO VASCONCELLOS, LAURO TIRADENTES, ELMIO ROSA, CLORIVALDO BISINOTO, FLÁVIO BARRA e GUSTAVO BOTELHO, por intermédio de organização criminosa, A ocultação da origem espúria dos valores deu-se por pelo menos 19 vezes, pelo superfaturamento de contrato de transporte que a ANDRADE GUTIERREZ mantinha no canteiro de obras em Angra com a EVAL – EMPRESA DE VIAÇÃO ANGRENSE. Pág. 10"
54372 FLAVIO BARRA VW REFRIGERAÇÃO Economic - Money laundering through Consumados os delitos antecedentes de corrupção, entre março de 2010 e fevereiro de 2014, os executivos da ANDRADE GUTIERREZ, ROGÉRIO NORA, CLÓVIS PRIMO, FERNANDO CARVALHO, LAURO TIRADENTES, ELMIO ROSA, CLORIVALDO BISINOTO, FLÁVIO BARRA e GUSTAVO BOTELHO, sob orientação e anuência de JOSÉ EDUARDO COSTA MATTOS, e pela ação de MARCO AURÉLIO BARRETO e MARCO AURÉLIO VIANNA, por intermédio de organização criminosa, ocultaram e dissimularam a origem, a natureza, disposição, movimentação e a propriedade de aproximadamente R$ 3.443.381,77, por meio de pelo menos 28 repasses embasados em contratos fict
54363 FLAVIO BARRA FLEXSYSTEM ENGENHARIA Economic - Money laundering through "Consumados os delitos antecedentes de corrupção, entre janeiro e setembro de 2013, os executivos da ANDRADE GUTIERREZ, ROGÉRIO NORA, CLÓVIS PRIMO, FERNANDO CARVALHO, LAURO TIRADENTES, ELMIO ROSA, CLORIVALDO BISINOTO, FLÁVIO BARRA e GUSTAVO BOTELHO, sob orientação e anuência de LUIZ SOARES, e pela ação do falecido NEY GEBRAN, por intermédio de organização criminosa, ocultaram e dissimularam a origem, a natureza, disposição, movimentação e a propriedade de R$ 1.800.000,02, por meio de pelo menos 04 repasses embasados em contratos fictícios celebrados entre a ANDRADE GUTIERREZ e a empre
54362 FLAVIO BARRA ANDRADE GUTIERREZ Economic - Money laundering through "Consumados os delitos antecedentes de corrupção, entre janeiro e setembro de 2013, os executivos da ANDRADE GUTIERREZ, ROGÉRIO NORA, CLÓVIS PRIMO, FERNANDO CARVALHO, LAURO TIRADENTES, ELMIO ROSA, CLORIVALDO BISINOTO, FLÁVIO BARRA e GUSTAVO BOTELHO, sob orientação e anuência de LUIZ SOARES, e pela ação do falecido NEY GEBRAN, por intermédio de organização criminosa, ocultaram e dissimularam a origem, a natureza, disposição, movimentação e a propriedade de R$ 1.800.000,02, por meio de pelo menos 04 repasses embasados em contratos fictícios celebrados entre a ANDRADE GUTIERREZ e a empre

Relaciones de este actor

ID Actor 1 Actor 2 Tipo Evidencia
54391 LUIZ SOARES FLAVIO BARRA Logistic - Influence on Consumados os delitos antecedentes de corrupção, entre março de 2008 e novembro de 2012, os executivos da ANDRADE GUTIERREZ ROGÉRIO NORA, CLÓVIS PRIMO, FERNANDO CARVALHO, LAURO TIRADENTES, ELMIO ROSA, CLORIVALDO BISINOTO, FLÁVIO BARRA e GUSTAVO BOTELHO, sob orientação e anuência de LUIZ SOARES.